Menos Play e mais Era uma vez… – A importância da leitura na infância

LEITURA - LER NA INFÂNCIA - LIVROS - CRIANÇAS LENDO - LEITURA NA INFÂNCIA

Saiba porque os livros são é tão importantes para o seu filho!

Aproveitando que dia 29 de Outubro foi o dia Nacional da Livro, no post de hoje vamos falar sobre a importância da leitura para os pequenos!

Com a chegada com tudo da tecnologia, o “Era uma vez” está cada vez mais sendo trocado pelo “Play”, sim os jogos e equipamentos eletrônicos estão substituindo os livros no lazer infantil. Diversos estudos vêm comprovando as consequências do uso em excesso dos aparelhos eletrônicos pelas crianças, inclusive alguns especialistas já alertam que principalmente na primeira infância (dos 0 aos 3 anos) as crianças deveriam ser mantidas longe de tais aparelhos, as aprendizagens necessárias para essa faixa só serão aprendidas no convívio com o outro. (#dica este será o assunto do nosso próximo post).
Então que tal reservar um tempinho para leitura em família? Se a correria esta grande, alguns minutinhos antes de dormir já serão de grande valia para as crianças e para você!

Veja qual a importância da leitura na infância.

Diversas pesquisas comprovam que a criança que tem a oportunidade de ouvir uma história contada por seus pais terá facilidade na aprendizagem, na fala, no reconhecimento das emoções, além de desenvolver criatividade, imaginação, cultura, conhecimento e valores! Sim, tudo isso nas simples historinhas. Além de todos estes benefícios para os pequenos, vocês estarão próximos, envolvidos em uma atividade conjunta e prazerosa, auxiliando assim na construção do vínculo familiar. Já observou como eles ficam quando estão ouvindo histórias? As expressões de medo, surpresa, alegria e admiração estão estampadas, isso facilita que a crianças aprendam as emoções e consiga reconhece-las. Vale aquela paradinha no meio da história para envolver a crianças com perguntas como “Como será que ela está se sentindo? Vamos ver a imagem” ou “O que será que vai acontecer agora?”. Ele está muito agitado e não conseguem ir aos poucos relaxando para a hora do soninho? As histórias auxiliam a despertar hormônios do prazer e do relaxamento, quase como uma meditação.

Vale o cuidado de atentar para a escolha do livro, escolher um assunto adequado para a idade dele é fundamental para que haja interesse, você pode selecionar algumas opções e então incentivar para que ele faça a escolha. Vocês podem alternar entre o adulto contar a história e em outro momento a criança a partir das ilustrações (caso ainda não seja alfabetizada) contar a história. Fantoches, desenhos, bonecos, vozes diferentes são sempre muito bem-vindos par acompanhar as histórias também!
Se estiver na dúvida, os contos clássicos são sempre ótimas escolhas! Estes trazem situações problemas em que a criança pode já ter vivido ou ainda irão viver, com isso ocorre a estimulação do repertório de soluções adaptativas de conflitos. Ao longo da história vá pontuando as aprendizagens para criança e auxilie a perceber qual a lição trazida pelo livro.

Aproveitamos o post de hoje, para compartilhar uma ideia super bacana de incentivo à leitura, a grana está curta para comprar livros para os pequenos? Faça parte do projeto “Leia para uma criança”, nele vocês podem solicitar gratuitamente os livros da coleção e eles são entregues para vocês em casa. Basta acessar o site https://www.itau.com.br/crianca/pratique/ . Quem aí vem conosco nesse projeto “Menos Play e mais Era uma vez…”, compartilhem conosco seus momentos de leitura, vamos adorar!

“Os contos de fadas mudaram porque nós mudamos, eles nos acompanham há séculos, trocam de roupa a cada nova geração, e não parecem dar sinais de cansaço” (Corso & Corso)


Veja outros posts já publicados aqui das psicólogas Natana e Paola:
Meu filho é tímido, e agora?
Separação e filhos, como lidar?
BULLYNG infantil: Quando a brincadeira NÃO tem graça!
Um aperto chamado Saudade: como lidar com o luto infantil


Siga o A Mãe Coruja e o E ai Psicologas? no Instagram  para acompanhar diversas dicas: www.instagram.com/amaecoruja e www.instagram.com/eaipsicologas

Author: Paola Richter e Natana Console

Natana Consoli é psicóloga e psicoterapeuta de adultos, casais e família e Paola Richter é psicóloga e psicoterapeuta de crianças e adolescentes. Ambas trabalham fazendo avaliação psicológica e prestando avaliação em instituições de educação infantil.

Share This Post On

Deixe uma resposta